Olá bibliófilos!

Quem acompanha o blog já deve ter percebido que existe um tema que rouba minha atenção, seja na literatura, nos filmes e em séries: viagem no tempo. Eu sou fascinada por histórias que abordem o assunto e se me fosse dada a oportunidade de ter um superpoder eu não pensaria duas vezes e escolheria ser uma viajante no tempo!

Já fiz alguns posts sobre o assunto e hoje quero falar sobre uma série que é a minha queridinha do momento: Travelers ( Viajantes). A série é uma produção original da Netflix em parceria com o canal canadense Showcase e estreou em 2016. Atualmente está na terceira temporada.

Na trama, centenas de anos no futuro, os últimos humanos sobreviventes na Terra descobriram como enviar suas consciências de volta através do tempo. A partir daí eles criam um programa que recruta voluntários para voltar no tempo, mais precisamente ao século XXI, a fim de alterar determinados acontecimentos que acabaram culminando na quase destruição do planeta e da raça humana. Todo esse plano é coordenado pelo “Diretor”, que seleciona para onde cada viajante deve ir, bem como suas missões. Para voltar ao passado, esses “viajantes” assumem o corpo de pessoas prestes a morrer, de modo que tomam suas vidas “emprestadas” para realizar as tais missões e tentar salvar a humanidade de um futuro terrível.

Existem dúzias de séries e filmes que abordam a viagem no tempo, mas o que mais me chamou a atenção em Travelers é a maneira como esse processo ocorre. Os argumentos e a lógica por trás dos acontecimentos é bem interessante e original. No início não sabemos quase nada sobre os viajantes e o que aconteceu com a humanidade no futuro, mas ao longo dos episódios as informações vão aparecendo e criando ganchos excelentes, que te fazem querer assistir tudo de uma só vez!

Outro aspecto que é muito interessante é acompanhar o contato dos viajantes do futuro com a nossa realidade do século XXI. Pelos diálogos dá para entender que apesar de eles dominarem tecnologias avançadas e desconhecidas para nós a vida no futuro é repleta de privações, principalmente de recursos naturais. Uma cena logo na primeira temporada me marcou bastante, nela um dos viajantes sente o calor do Sol no rosto e fica extasiado com aquilo, é emocionante porque é uma coisa tão simples para nós que nem sequer prestamos atenção nesse tipo de coisa, mas para eles parece ser algo muito especial. Outra coisa que gera muitos conflitos emocionais para os viajantes é ter que administrar a vida dos seus hospedeiros e suas relações pessoais. Eles são tão humanos como nós, então é claro que acabam se envolvendo mais que o esperado.

Se você gosta de ficção científica com uma pitada de aventura, dê uma chance para Travelers! Se você já assiste, deixe uma mensagem nos comentários, porque eu realmente adoro essa série, mas quase não ouço falar dela por aí …. Adoraria saber que não sou só eu que sou viciada nessa série!

Até a próxima !

FICHA TÉCNICA

  • Criador: Brad Wright (2016)
  • Elenco: Eric McCormack, MacKenzie Porter, Reilly Dolman, Nesta Cooper, Jared Abrahamson, Patrick Gilmore.
  • País: Canadá, Estados Unidos
  • Gênero: Ficção científica
  • Duração: 42min cada episódio
  • Ano de lançamento: 2016
  • Classificação etária: 14 anos (Canadá)