“É tudo culpa do Carma. Sim, do Carma! Você sabe, aquela força inconfundível do universo que garante que boas ações sejam recompensadas e más ações sejam punidas.” (pag. 13)

 

Todos nós já ouvimos falar sobre o Carma, não é? Independente das crenças pessoais que carregamos, aquela ideia de que boas atitudes são recompensadas e que más ações são punidas fazem parte das nossas vidas. Mas, e o que aconteceria se alguém resolvesse interferir no funcionamento do Carma, com o objetivo de “dar uma forcinha” para promover o equilíbrio do Universo? Bem, Madison Kasparkova e suas amigas vão descobrir que quando você resolve aprontar com o Carma… o Carma apronta com você!

Créditos da foto: Leia com a gente

 

Maddy, Angie e Jade são amigas inseparáveis e cursam o último ano do ensino médio. A pacata rotina de Maddy é abalada quando seu namorado Mason tem uma foto publicada em uma revista de muito sucesso entre os adolescentes e acaba despertando a atenção da garota mais popular do colégio, a insuportável Heather. Madison e suas amigas ficam animadas com a oportunidade de se enturmar com os alunos populares e aceitam ir a uma festa, onde Maddy sofre uma terrível humilhação ao flagrar o namorado aos beijos com Heather.

A partir de então Maddy fica inconformada em como Mason pode descartá-la com tanta facilidade e sem ao menos tentar se explicar. A situação piora mais ainda quando ela é obrigada a assistir Mason e Heather se transformar no novo casal sensação do colégio.

“Talvez o universo funcione como um tipo de balança gigante de equilíbrio. O que quer que você coloque de um lado da balança terá que ser equilibrado ao colocar outra coisa, com o mesmo peso, do outro lado.” (pag. 67)

Em um final de semana, Maddy é arrastada por sua mãe para participar de um retiro espiritual e acaba conhecendo um monge durante uma palestra sobre os conceitos do Carma. Maddy então resolve colocar em prática o conceito de ação e reação, mas tomando o lugar do Carma e promovendo o equilíbrio do Universo à sua maneira.

 

Nasce então o Clube do Carma, cujo objetivo é dar uma lição nas pessoas que fizeram algum mal as três amigas. A vingança tem como alvo, além de Mason e Heather, os dois ex-namorados de Angie e Jade, que também as fizeram sofrer. A partir de então acompanhamos as confusões que as três amigas promovem não apenas no colégio, mas na vida de todos que as cercam.

“Mas temos que fazer um pacto. Um pacto que somente nós saberemos. Como um segredo apenas para membros do clube. O Clube do Carma. Cujo único objetivo é limpar a bagunça que o universo está deixando para trás.” (pag. 76)

O livro é hilário, a autora tem uma escrita que flui fácil e um humor irônico que envolve o leitor. As situações narradas são extremamente engraçadas mas ao mesmo tempo fazem refletir sobre até que ponto temos o direito de interferir nos acontecimentos. Afinal, Maddy, Angie e Jade distorcem o conceito de Carma ao tentar promover uma punição as pessoas que as magoaram.

Outro ponto positivo do livro são os subtítulos de cada capítulo. São engraçados e misteriosos e sempre tem relação com o que vai acontecer em seguida. Achei muito criativo por parte da autora.

Karma Club é uma leitura leve e divertida, que vai te fazer rir muito! Entretenimento garantido!

 

“No fim, o Carma persegue todo mundo. Se você ferrar com as pessoas durante a sua vida toda, não importa quem você seja, você não se livrará. O que vai sempre volta.” (pag.54)

 

Créditos da foto: Leia com a gente

 

Mais citações…

 

“O universo equilibra a si mesmo. Coisas boas acontecem com pessoas boas e coisas ruins acontecem com pessoas ruins. Dessa forma, o mundo não vira um lugar assimétrico.” (pag. 73)

“Ficamos dizendo para nós mesmas que eles vão receber o que merecem. Que o Carma vai tomar conta disso. Porque isso nos faz sentir melhor até encontrarmos o próximo e supostamente melhor fracassado para ficarmos e que, inevitavelmente, fará a mesma coisa… Bem, dane-se isso! É hora de fazermos o Carma funcionar para nós. Então eu digo: a responsabilidade de empatar o jogo e reverter esse desequilíbrio em nossas vidas não pertence ao universo. Pertence a nós.” (pag 75)

“É quase como se as estrelas estivessem alinhando-se a meu favor. O Universo está reagindo à minha abordagem proativa de equilíbrio.” (pag, 79)

“O Carma é uma força poderosa. Ele pode ser seu melhor amigo ou seu pior inimigo. Tudo dependerá de como você escolhe olhar para ele.” (pag. 262)

 

Título: Karma Club

Autora: Jessica Brody

Editora: Novo Século

Páginas: 264

Gênero: Chick Lit