“Nós somos feitos da matéria de que são feitos os sonhos”  (William Shakespeare)

 

Todos nós sonhamos, não é mesmo? A maioria dos nossos sonhos são esquecidos logo após despertarmos do sono, mas alguns parecem mais vívidos e ficam gravados em nossa mente por algum tempo. Muitas pessoas já relataram terem tido ideias ou inspirações durante um sonho, mas o que pouca gente sabe é que muitos livros famosos foram inspirados em sonhos ou até mesmo em pesadelos que seus autores tiveram.  Vamos descobrir que livros foram esses?

 

 

Frankenstein (Mary Sheley)

A criação da história de Frankenstein é muito interessante e envolve uma aposta. Mary Sheley encontrava-se confinada em uma casa com alguns escritores ingleses devido ao mau tempo. Foi então que um deles, Lord Byron, propôs um desafio aos demais: que cada um escrevesse um conto com elementos sobrenaturais. Enquanto todos já haviam elaborado seus contos, Mary Sheley não conseguia ter nenhuma ideia. Na noite seguinte ela teve um pesadelo terrível cujo enredo inspirou a história de Frankenstein, um clássico conhecido até hoje.

 

 

Misery (Stephen King)

Stephen King, um dos mais notáveis escritores de terror da atualidade, também já recorreu aos sonhos para escrever uma história. A inspiração para o livro Misery veio de um sonho tido enquanto ele dormia durante uma viagem de avião. No sonho o escritor preferido de King era sequestrado e torturado por uma fã. Ao acordar, ele estava tão empolgado que escreveu as 50 primeiras páginas do livro no aeroporto mesmo.

 

 

Vinte Mil Léguas Submarinas (Julio Verne)

Não é a toa que Julio Verne é considerado um dos escritores mais visionários do gênero ficção científica. Muitas obras de Verne são tidas como previsões do futuro, pois descrevem tecnologias que só surgiriam muitos e muitos anos depois. A verdade é que muitas ideias descritas em suas obras vieram de sonhos que o escritor tinha.  Em um deles viu uma máquina diferente de tudo o que existia e que era capaz de se locomover debaixo d’água usando eletricidade, este sonho serviu de inspiração para o livro Vinte Mil Léguas Submarinas.

 

Contos (H. P. Lovecraft)

Lovecraft é reconhecido como um dos mestres do gênero de terror. Seus contos, recheados de situações e criaturas aterrorizantes, foram resultado dos terríveis pesadelos que perseguiram o autor durante toda a sua vida. Segundo consta, Lovecraft acordava frequentemente durante esses pesadelos e transcrevia suas impressões num caderno, que posteriormente eram acrescentadas aos seus escritos. Cruzes !

 

Saga Crepúsculo (Stephenie Meyer)

Não poderia terminar essa lista sem mencionar um dos casos mais conhecidos de livros inspirados em sonhos. A autora relatou que a ideia para escrever a saga Crepúsculo veio em um sonho, no qual duas pessoas conversavam em uma floresta, uma delas era uma garota comum e a outra um rapaz incrivelmente belo, que brilhava e era um vampiro. Ao acordar Stephenie Meyer escreveu tudo o que viu no sonho e essa transcrição resultou no que hoje é o capítulo 13 de Crepúsculo. Com base nesse sonho estranho surgiu o best-seller, que virou filme e fenômeno mundial. Que coisa hein?

 

Impressionante não é mesmo? Conhece algum outro livro que tenha sido inspirados em sonhos tidos por seus autores? Deixe um comentário !

 

Até a próxima bibliófilos e continue lendo com a gente !